Como ser mais criativo?

Atualizado: Abr 23


Você não se acha uma pessoa criativa? E se alguém te convencer o contrário?

Muitas pessoas olham para outras extremamente criativas, admiradas e dizem: -Eu não sou assim, nunca seria assim! -Como essa pessoa é criativa! Isso é um talento nato!

Um cartunista foi demitido de um jornal, aos 22 anos, com a justificativa de "não ser criativo" depois de alguns anos ele ficou famoso como "Walt Disney"!

A verdade é que todos, todos mesmo, somos criativos, o problema é que alguns de nós tiveram esse lado muito mais estimulado do que outros, quer uma prova? Todo mundo já brincou quando criança, certo? Quem nunca se imaginou um jogador de futebol, uma atriz de novela, um herói ou personagem de desenho? E quantas vezes não inventamos histórias em cima destes personagens já prontos?

Pois é, difícil alguém que nunca teve a imaginação aflorada quando pequeno, o problema é que vamos ficando chatos, para nos adequar a vida de "adulto", onde você tem hora pra tudo, onde você precisa se manter em uma caixinha do convívio social e etc. Eu não estou falando pra você sair pelado por aí e dançar Galinha Pintadinha na sala pra sua mãe (embora deva ser bem engraçado!), mas você precisa começar a perceber que não tem que matar a sua criatividade e sua imaginação por conta de uma vida mais "Responsável", assim, vão aqui algumas dicas de como você pode reaprender a ser mais criativo e usar sua criatividade no seu dia a dia, no trabalho ou simplesmente pra tornar o ambiente melhor: 1 - Preste a atenção nas crianças Pode não parecer, mas todos fomos crianças um dia, e as crianças não carregam um fardo de pagar o boleto no fim do mês, mas, elas são um belo exemplo de aproveitamento do cérebro! A gente acha bobo uma criança rir com uma caixa de papelão, mas não é mais bobo entrar em depressão por uma A4 com um monte de pauzinhos? Se tiver filho melhor ainda, eu sei que os problemas não se resolvem com um beijo no dodói, mas, preste a atenção de como eles buscam a simplicidade pra resolver sus problemas, este é o ponto, crianças são bem mais objetivas que os adultos, a criatividade está ligada a menos estresse, e o estresse é muito ligado a um desgaste que você tem ao tentar emplacar um plano mirabolante pra resolver algo que não precisaria de tanta sofisticação. 2- Saia da Rotina Não, você não precisa ir encontrar o Bruno Gagliasso em Noronha, tão pouco fazer um tour pela Europa ou fazer uma massagem num SPA de Luxo, você só precisa sair da sua rotina, mudar o caminho de buscar o filho na escola por exemplo, ler um site de notícias diferente, falar com algum amigo que faz tempo que não fala, mude a esteira onde faz exercícios, altere o lado que senta no ônibus(Acredite, tem gente que nem percebe que senta sempre no mesmo lado!). Se puder fazer programas luxuosos, ótimo! mas não vai haver diferença no estimulo da sua criatividade se você estiver em Ubatuba ou em Mikonos, a realização pessoal é importante, mas não determinante para a criatividade, fato é que por mais bonito que seja o lugar, as pessoas só retornam a ele se tiver algo especial não só a beleza.


3 - Exercícios mentais Sim, assim como pra ficar forte e definido você necessita malhar, o cérebro também precisa de exercícios, por exemplo: Sudoku, Cand Crush(sim, cand crush!) e jogos semelhantes, escrever, ler, xadrez ou qualquer coisa que façam seus neurônios se movimentarem em busca de soluções, pois ajudam a melhorar a velocidade de raciocínio, fazendo com que seu cérebro junte os pontos mais rapidamente!


4 - Organize seu cérebro Faça uma lista das coisas que você considera impossíveis e pense em maneiras de colocá-las em prática, o exercício faz muito bem a preparação do cérebro para usar a criatividade para solucionar problemas em geral, no seu dia a dia, um cérebro "treinado" num momento de pico de estresse consegue direcionar melhor o seu potencial para a solução do problema ou no mínimo amenizar os estragos que a situação está causando.


5 - Faça mais perguntas “Quando eu soubesse a pergunta correta, poderia resolver o problema em menos de cinco minutos”, Einstein

Se você não tem perguntas, provavelmente você morreu e não sabe, comece a ver se as pessoas estão te notando e por favor não venha puxar meu pé hoje a noite por que tenho medo de assombração! Mas a verdade é que quanto mais vontade você tem de viver, mais perguntas você deve fazer, e as respostas( principalmente de coisas que você não domina) fazem seu cérebro tentar viabilizar aquele conteúdo, eu até pouco tempo tentava imaginar como mulheres colocavam seus pés naqueles sapatos bicudos, eu achava que o pé precisava ser no mesmo formato(dããããa), claro depois de 35 anos descobri a verdade, mulher é um ser de outro planeta!


6 - Valorize sua ideia Mesmo que esquisita, como colocar yakult no miojo, suais ideias são seus filhos, proteja-as, não deixe que venha outro qualquer de bermuda caindo mostrando a cueca ou uma sirigaita desqualificada e faça o que quiser das suas criações. Não dê muito ouvidos a quem a sua ideia não interfira e leve sem nenhuma timidez o que você pensou pras reuniões, vale lembrar que agora quase toda população mundial se curva a uma caixinha cheio de componentes, e geralmente paga muito dinheiro por isso, por que alguém pensou nisso e colocou na mesa quando muitos achariam que ele seria um humorista ou lunático. O mundo e as pessoas por segurança, se protegem do novo, em parte isso é bom por que nem tudo que é novo é salutar, mas também isso quer dizer que você tem que cavar muito pra sua ideia ser vista e respeitada.


Bom, é isso, se você acha que este texto ficou longo e merece um vídeo, me dá um toque que eu to criando coragem pra isso, se não, vai dormir, lavar uma louça, jogar pedra em avião, mas, seja criativo!

121 visualizações

Contato

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle
São José dos Campos - SP
13.413.601/0001-78
—Pngtree—whatsapp_icon_whatsapp_logo